terça-feira, 19 de agosto de 2008

Ativando seu magnetismo no amor


Você é um daqueles que está sempre buscando por uma grande história de amor? Daquelas típicas da novela das oito, capazes de arrancar suspiros, nos deixando sonhando acordado?

Pois é, na procura desesperada por esse amor não deixamos nada passar desapercebido. Estamos atentos a qualquer sinal que indique uma possibilidade de romance, olhamos para todos os lados, nossa procura é constante e incansável.

Quando essa busca e, conseqüentemente, a angústia toma conta de nós, é que nada acontece mesmo. Fazemos disso uma preocupação, um problema, e logo o desânimo e a frustração tomam conta de nós.

Somos invadidos por sentimentos que não tem nada de atrativo, como a descrença, a sensação de impotência e de abandono. Isso nos detona e nos faz sentir cada vez menor, um lixo, sem nenhuma qualidade nem atrativos. Atrair uma paquera fica cada vez mais difícil!

Perceba que tudo isso começou a partir do momento em que iniciamos nossa busca, nossa “missão” de encontrar um alguém para se encaixar no personagem da nossa história de amor.
Pelo jeito as coisas não são bem por aí. Buscar por um amor parece uma furada. E é mesmo!

Sabe quando você se perde de alguém e fica os dois um procurando pelo outro? No amor acontece a mesma coisa, assim, cada vez mais nos distanciamos de quem queremos encontrar.
Eu posso buscar por um apartamento, por um emprego, qualquer coisa, mas amor eu não busco, ele acontece! Não preciso buscar por ele, mas entrar em contato com esse amor, deixar que ele aconteça naturalmente.

É como uma chuva de verão: às vezes chega de repente sem dar nenhum sinal e nos surpreende.
Assim, sente e espere. Abra seu coração e deixe que teu amor flua por todos os cantos, como o perfume das flores na primavera. Aliás, deveríamos aprender mais com elas. Você já percebeu que uma flor simplesmente oferece seu perfume e beleza ao mundo e não sai correndo querendo com isso conquistar alguém? É como se ela sentasse e esperasse. E o que acontece? Tudo que ela necessita, ela é cortejada por abelhas, beija-flores, enfim, tudo o que uma flor poderia querer, e, perceba o detalhe, sem nenhum esforço.
Vou deixar algumas dicas para ajudar a ativar seu magnetismo pessoal a fim de atrair para si um relacionamento bacana, sem precisar sair correndo para procurar.

Seja você mesmo! Lembre-se do exemplo da flor. Naturalmente você tem sua beleza e suas qualidades atrativas. Não precisa querer agradar e nem fazer tipo.

Faça o que gosta, cuide-se. Não espere que o outro faça isso por você.
Lembre-se que você é único. Não queira ser igual, comum. Aceite suas peculiaridades, seu diferencial. “A flor tem a beleza que tem.”

E o mais importante, antes de tudo, quem tem que gostar e lhe aprovar não é ninguém mais do que você mesmo! Saiba reconhecer e valorizar as tuas qualidades, seus talentos, tudo que possa contar a seu favor.
Primeiro eu me amo e depois eu deixo quem mais quiser que faça o mesmo.




Um comentário:

CINTIA disse...

Realmente, quando estamos centrados é assim mesmo que funciona! Acredito muito nisso, como dizem, devemos cuidar do nosso jardim e não sair correndo atrás das borboletas! Vicente, muito obrigada por fazer parte da minha vida! Sempre disposto a cuidar e clarear minha mente! Cíntia Manabe.